Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

07
Set17

Protecção para o seu coração

Ana Ni Ribeiro

IMG_4775.JPG

 

Em Portugal as principais causas de morte são as doenças cardiovasculares e o cancro. Muitas destas mortes poderiam ser prevenidas, pois os maiores fatores de risco são:  tabagismo, falta de atividade física, excesso de peso e genéticos.

De entre os fatores associados a estas patologias destacam-se os radicais livres que provocam danos ao nível dos tecidos e do DNA, podendo desencadear doenças graves. Os radicais livres são compostos a que estamos constantemente expostos. Um desequilíbrio destes radicais livres pode prejudicar o normal funcionamento do organismo. Os agentes que levam a este desequilíbrio podem ser do meio externo (stress, radiação solar, poluição, tabaco) ou ser produzidas internamente pelo próprio organismo. Felizmente, existem capazes de os combater - os antioxidantes - que evitam a formação exagerada de radicais livres, protegendo as células de danos, prevenindo por exemplo o envelhecimento precoce e o desenvolvimento de determinadas doenças. Outros conseguimos obter através da alimentação ou em suplementos alimentares. Destacam-se as vitaminas A, C, E, os flavonóides, o licopeno e o selénio.

A verdade é que os excessos da vida diária aceleram a degeneração natural das nossas células, de tal forma que há um desequilíbrio entre a produção de radicais livres e o aporte de antioxidantes na alimentação. Assim, mesmo que tenhamos cuidado com a nossa alimentação ela pode ser complementada coma toma de suplementos. Eu contei-vos, há umas semanas que estava a tomar um suplemento da gama Ever-Fit e fiquei curiosa para conhecer toda a gama.

O suplemento alimentar Ever-fit Cardio Regen chamou-me a atenção pois possuiu vitaminas e minerais que promovem o funcionamento normal do coração e dos vasos, e embora eu não precise o meu pai precisa desta adequada proteção celular.

1.jpg

 

Muitos anos de fumador, associado à idade e a uma vida sedentária, potenciaram alguma degradação a nível cardiovascular. Já começou a tomar o suplemento: Cuidar hoje, a pensar no amanhã

FullSizeRender (53).jpg

 

A gama Ever-Fit são SUPLEMENTOS ALIMENTARES. Os suplementos alimentares não devem ser utilizados como substitutos de um regime alimentar variado e equilibrado nem de um estilo de vida saudável. O efeito benéfico é obtido com a toma diária de 1 cápsula no caso de Ever-Fit Stress Regen e Ever-Fit Skin Regen, 2 cápsulas no caso de Ever-Fit Cardio Regen ou de 1 comprimido no caso de Ever-Fit Plus. Não deve ser excedida a toma diária recomendada. Não é aconselhada a utilização em caso de alergia a um ou mais dos ingredientes. A toma não dispensa a consulta do seu médico ou farmacêutico. Manter fora da vista e do alcance das crianças. Para mais informações consultar a rotulagem e as instruções de utilização.

 

 

29
Set16

Coração ao Alto

Ana Ni Ribeiro
Esperamos que ninguém nos parta o coração, mas nós estamos sempre a colocar em esforço este músculo que fica no nosso peito:  stresse, tabaco, alimentação desequilibrada.
Devemos preocupar-nos? Sim! A doença cardiovascular é a principal causa de morte em Portugal. E mata pessoas cada vez mais jovens... Dia 29 de Setembro é o dia mundial do coração, cuide do seu.

Está provado que seguir uma dieta mediterrânica pode levar à diminuição em 50% da incidência de doenças cardiovasculares. Isso significa comer peixe, não consumir carne mais de 4 vezes por semana (e preferencialmente de aves), optar pelas gorduras saudáveis (azeite) com moderação, acompanhar as refeições com vegetais, à sobremesa fruta e ao longo do dia beber água. Para temperar, use muito alho e ervas aromáticas. Boas notícias: pode beber um copo de vinho à refeição! E, claro, pratique exercício físico. Uma vida sedentária faz mal ao coração.
12
Mai13

Cuide do seu coração

Ana Ni Ribeiro

A Fundação Portuguesa de Cardiologia dedica mais uma vez, o mês de Maio ao Coração, no sentido de alertar os portugueses para a importância de prevenir os factores de risco das doenças cardiovasculares, adoptando estilos de vida saudáveis.

Esta iniciativa é tanto mais importante, quanto as doenças cardiovasculares que são a principal causa de morte em Portugal. A taxa de mortalidade devido à doença cardiovascular é mais elevada do que o cancro da mama no que toca ao sexo feminino. É necessário alertar a população para a necessidade de serem tomadas medidas urgentes para salvar vidas das mulheres e das crianças.

É um mito que as doenças cardiovasculares apenas afectam os idosos, sexo masculino e populações ricas. Estas doenças afectam tanto homens como mulheres. Contudo o risco é gravemente subestimado. De facto, as doenças cardíacas causam a morte de 1 em cada 3 mulheres.

É necessário aprender a verdade sobre o seu risco de doença cardiovascular e tomar medidas para nos protegermos e às nossas famílias.

As crianças também são vulneráveis: o risco pode começar antes do nascimento e aumentar mais durante a infância com a exposição a dietas pouco saudáveis, ao sedentarismo e fumo dos cigarros.

As sociedades modernas expõem as crianças a factores de risco quando oferecem dietas calóricas, ricas em gorduras “más” e açúcares e desencorajam a actividade física.

Por vezes é mais fácil dizer do que fazer, no entanto, pequenas mudanças podem ajudar a reduzir o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral. É necessário e urgente actuar para proteger o coração saudável das crianças, para que se evite, no futuro, o impacto físico, emocional e económico das doenças do coração e dos acidentes vasculares cerebrais.

 

O que fazer?
Alimentação Saudável – variada, com legumes, frutas, cereais completos, azeite e gorduras vegetais, peixe, carnes magras e com redução do sal, é fundamental. Controle o seu peso, o perímetro abdominal e deixe de fumar.
Torne a bicicleta a sua melhor amiga! – 30 minutos de actividade física de intensidade moderada, cinco vezes por semana é quanto basta para reduzir o risco de doença cardíaca;
Troque um chocolate por uma peça de fruta – uma alimentação saudável que seja rica em frutas, peixe e vegetais ajuda a prevenir as doenças do coração e os acidentes vasculares cerebrais;
Perca peso;
Banir o tabaco em casa é proteger o futuro da sua família. Ensinar as crianças o perigo de fumar, pode ajudá-las a serem elas próprias a optar por não fumar.

Por si, e por quem gosta de si, cuide do seu coração.

14
Dez12

Grandes duplas II

Ana Ni Ribeiro

Junte certos alimentos e os benefícios nutricionais serão praticamente duplicados.


Saúde para o coração: Flocos de aveia + maçã
A aveia contém substâncias que ajudam a proteger a saúde cardiovascular, como por exemplo o beta-glucano, uma fibra que combate o mau colesterol (LDL) e protege o coração do ataque de radicais livres. Coma maçã com casca, para reforçar este po-der de protecção. As maçãs contêm flavonóides, antioxidantes que eliminam radicais livres e ajudam a combater as inflamação. Isto significa que mais dificilmente ficará doente.

07
Mai12

Maio, Mês do Coração

Ana Ni Ribeiro
A hipertensão arterial é o principal factor de risco da doença cardiovascular e representa um dos maiores problemas de saúde pública em Portugal: cerca de 40 por cento dos portugueses adultos são hipertensos, mais de 50 por cento não têm a doença diagnosticada e apenas 11 por cento dos doentes estão controlados.

"Por si e por quem gosta de si, meça regularmente a tensão arterial" é a divisa da campanha de sensibilização que durante o mês de Maio estará presente nos Centros de Saúde de todas as cidades do país.

A campanha visa alertar os portugueses para a importância de medir a tensão arterial de forma regular e registá-la, bem como consciencializar as pessoas de que existem medidas não farmacológicas ao alcance de todos para prevenir o aparecimento precoce deste factor de risco.

Segundo um estudo recente da Organização Mundial de Saúde, 14 por cento das mortes no mundo ocorrem devido a complicações associadas à hipertensão. Em Portugal só os acidentes vasculares cerebrais (AVC) vitimaram cerca de dois mil portugueses em 2007, segundo dados das autoridades de saúde. Além de os AVC serem a principal causa de morte no país, bem à frente da doença coronária e do cancro, são também a principal causa grave de incapacidade em Portugal.
26
Set10

Dia Mundial do Coração

Ana Ni Ribeiro

É assinalado hoje, por iniciativa da Federação Mundial do Coração e 10 anos após a primeira comemoração, o Dia Mundial do Coração. Em 2010 o tema é: “Eu trabalho com o coração”.

O principal objectivo desta iniciativa é reforçar a importância da realização de actividades físicas e desportivas e de um estilo de vida activo para um melhor coração e uma vida mais saudável, de acordo com as orientações da União Europeia.

As doenças cardiovasculares são aquelas que causam mais mortes, no mundo inteiro, vitimando 17,1 milhões de pessoas por ano. Os factores de risco são: níveis elevados de pressão arterial, colesterol e glicose, tabagismo, ingestão insuficiente de fruta e vegetais, excesso de peso, obesidade e sedentarismo.

A Federação Mundial do Coração, em parceria com a Organização Mundial da Saúde, organiza eventos alusivos ao tema em mais de cem países. As iniciativas previstas incluem rastreios, passeios organizados, corridas, sessões de fitness, debates, espectáculos, fóruns científicos, exposições, concertos, desfiles e torneios desportivos.

A Fundação Portuguesa de Cardiologia, como membro da Federação Mundial do Coração, tem a incumbência de dinamizar as actividades do Dia Mundial do Coração em Portugal.

A iniciativa da Federação Portuguesa de Cardiologia visa:

  • Mobilizar a população para um estilo de vida activo, onde a actividade física, o exercício e o desporto estejam presentes na vida quotidiana da população;
  • Aumentar o conhecimento dos benefícios na saúde, sociais e económicos da prática regular de actividade física moderada;
  • Reforçar a importância da realização de actividades físicas e desportivas e de um estilo de vida activo, para a manutenção de um coração e de uma vida mais saudáveis, e como forma de prevenção primária das doenças cardiovasculares;
  • Promover a saúde, privilegiando a prevenção das doenças cardiovasculares, que constituem a principal causa de morbilidade mortalidade e incapacidade de longa duração da população portuguesa.
03
Mai10

Maio: mês do coração

Ana Ni Ribeiro


A Fundação Portuguesa de Cardiologia elege, todos os anos, o mês de Maio como o mês do Coração, tendo este ano convidado a APN para sua parceira no desenvolvimento de diversas actividades com o mote “Alimentação Mediterrânica”.
Esteja atento!

A FPC destina o mês de Maio ao desenvolvimento de diversas actividades e iniciativas com um intuito de alertar a população para um estilo de vida mais saudável.

Da parceria da APN com a FPC irão ser encetadas diversas actividades de comemoração com o tema base de “Alimentação Mediterrânica”, pelo que a comunidade ficará a conhecer melhor os benefícios deste tipo de alimentação para a sua saúde.

Para mais informações sobre o agendamento deste mês consulte: http://www.fpcardiologia.pt


Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2010
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2009
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D

Parceiros