Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

09
Ago19

Gelado de manga sem açúcar

Ana Ni Ribeiro

a59ea3a0-d349-4548-9388-7fc648c8d1ed.JPG

 

Sabem aquela manga muito madura que ficou esquecida na fruteira? Vamos transforma-la em gelado.

 

Para 4 gelados

1 manga madura

1 iogurte natural 0%

Gotas de limão 

Canela

  

ade5987c-79f6-48b2-bdf4-0ea4c261eee1.JPG

 

Junte tudo num liquidificador e bata. Ou use a varinha mágica.

Coloque um pouco de canela em agumas das forminhas.

Verta o preparado, coloque os pauzinhos e leve ao congelador.

IMG_1643.jpg

 

 

04
Ago19

O bronzeado começa no prato

Ana Ni Ribeiro

IMG_4347.JPG

 Um meio natural e eficiente para alcançar um bronzeado duradouro é a alimentação. Os alimentos ricos em caroteno, substância que está associada à mudança de cor da pele, garantem uma pele morena sem colocar a saúde em risco. A presença do caroteno no organismo pode manter a cor e produzir mais melanina - substância responsável pelo bronzeado

A dieta ideal para obter uma cor homogénea e duradoura deve conter:

 

Alimentos coloridos

Frutas e vegetais alaranjados, como cenoura, abóbora e papaia, e folhas verde-escuras, como rúcula e espinafre, são ricos em beta caroteno. Eles têm a capacidade de absorver a radiação ultravioleta, minimizando danos no DNA, aumentar a pigmentação (fator de proteção) e reduzir a formação de radicais livres. O tomate e a melancia também são ricos em licopeno, o responsável pela cor vermelha dos alimentos e ligado à maior proteção contra os raios ultravioleta. Nas frutas e nos vegetais, a vitamina C regenera a estrutura das fibras de colagénio.

 

Grãos

São ricos em vitamina E, selênio e zinco. Os primeiros itens fortalecem o sistema imunológico, combatem a formação de radicais livres e ainda agem como anti-inflamatórios.

 

Brócolos, cogumelos, couve, cebola e alho atuam nessa mesma proteção. Já o zinco melhora a hidratação, mantém a elasticidade, e tem efeito antioxidante em sinergia com o selénio.

 

Peixes

Todos os tipos contêm vitamina E, selênio e zinco. A sardinha ainda oferece a coenzima Q10, que diminui a produção de radicais livres e ajuda na regeneração celular.

Chá verde e água

Pesquisas indicam que consumir duas ou mais chávenas de chá verde por dia torna as pessoas mais protegidas contra o cancro de pele do que quem não consome a bebida. Os polifenóis, que protegem de uma exposição solar moderada, também ajudam na redução de eritema (vermelhidão).

Uma correta hidratação permite um bronzeado mais bonito e saudável. Beba pequenas quantidades de água durante todo o dia, de forma a atingir os 2 litros diários.

 

IMG_4348.JPG

 

 

 

 

 

19
Jul19

Queques de espargos e cogumelos frescos

Ana Ni Ribeiro

AA3E15EB-4C7E-454C-9EBF-E0675042A14B.JPG

 

A pedido de várias famílias aqui fica a receita dos queques de espargos e cogumelos que ficaram deliciosos.

Podem ser opção para snack, ou para uma refeição acompanhando com uma salada.

 

Para 8 queques

3 ovos

200g de espargos verdes frescos

250g de cogumelos frescos

50g de espinafres

100 ml de leite magro (pode usar bebida vegetal sem açúcar)

3 colheres de farinha de milho

2 colheres de farinha de arroz

1 colher de sobremesa de fermento

Sal

Pimenta caiena

1 colher de sopa de azeite

Sementes de chia (ou sésamo) para polvilhar (opcional)

18602BBC-06D8-4498-9228-33889F938CDD.JPG

 

Pré-aquecer o forno a 180ºC.

Bater todos os ingredientes da massa num liquidificador. Reservar.

Numa frigideira antiaderente coloque o azeite e a pimenta caiena e juntar os espargos cortados. Saltear um pouco e depois juntar os cogumelos e os espinafres.

Colocar a massa e o recheio em formas de queques e levar ao forno cerca de 25 minutos, ou até ficarem dourados.

17
Jul19

O que comer na praia?

Ana Ni Ribeiro

Verão é sinónimo de praia. Dias grandes, férias, sol, mar e refeições na areia. Nestes meses, tal como nos outros, devemos ter cuidado com a alimentação. Este cuidado não se prende apenas com a necessidade de refeições saudáveis, mas também por causa do calor necessitamos beber mais água e as refeições devem ser leves.

As sandes e as saladas são as opções mais simples. As sandes podem ser de atum (em água), fiambre de peru ou de requeijão, sem adição de molho. Não se esqueça de colocar alface e tomate, e um pouco de orégãos.

Em relação ao pão, escolha o integral, de centeio ou mistura. Embrulhe-as em papel de alumínio. Se optar pelas saladas, prepare-as antes de sair de casa, não coloque molhos, e transporte-as em caixas fechadas, dentro de numa geleira.

Além dos legumes e vegetais, as saladas podem conter uma fonte de proteína, por exemplo, um ovo cozido ou delícias do mar, e de hidratos de carbono, como leguminosas ou massas.

Pode também levar legumes para comer, como snacks: cenoura, tomate cereja, aipo ou maçarocas de milho.

A fruta é algo que não pode esquecer. Há várias opções:
- Fruta de roer: maçãs, pêras, alperces, ameixas, pêssegos, nectarinas;
- Fruta para snack: uvas, cerejas, morangos, amoras, framboesas, mirtilos;
- Fruta para hidratar: meloa, melão, melancia, laranjas, kiwi, ananás, limão, toranja.

Na geleira pode também levar iogurtes (magros) ou pacotinhos de leite para o lanche. Leve numa caixinha aveia integral ou sementes e junte 2 colheres a cada iogurte.
As bolachinhas de arroz ou milho são também uma opção prática e saudável.

A água ajuda a manter a hidratação do corpo porque repõe minerais perdidos com o suor. Beba pelo menos 2 litros por dia, aumentando a quantidade nos dias mais quentes. Lembre-se que os refrigerantes e as bebidas alcoólicas não matam a sede.

Na praia, as bebidas alcoólicas devem ser consumidas com muita moderação: são altamente calóricas e desidratantes.

Se comer nos bares da praia preste atenção ao aspecto dos alimentos, à limpeza dos espaços e evite alimentos que contenham maionese ou outros molhos. E faça escolhas saudáveis.

Caso opte por comprar alimentos aos vendedores ambulantes mantenha estes mesmos cuidados.

Faça boas escolhas e tenha um melhor dia de praia!

09
Jul19

Chili de frango com espinafres

Ana Ni Ribeiro

IMG_3889.jpg

 

Vocês sabem que eu sou fã de comida picante, e faço com alguma regularidade chili com carne de aves. Hoje pedi ajuda ao meu novo robot de cozinha, o Monsieur Cuisine Connect da Silvercrest, que regressou ao Lidl numa versão mais moderna, digital e funcional, e refizemos a receita do chili de frango com espinafres.

Muito simples, saudável e repleta de sabor, espero que gostem!

 

2 cebolas grandes

2 dentes de alho

4 colheres de sopa de azeite

500g de carne de frango picado (também fica bom com peru)

600g de tomates em pedaços

8 colheres de sopa de molho de tomate

200g de feijão preto

200g de feijão vermelho

100 ml cerveja ou vinho branco

2 chávenas de folhas de espinafres

Sal

Pimenta

Piri-piri

2 gotas de tabasco opcional

Descasque as cebolas e os dentes de alho, corte as cebolas ao meio e pique ambos os ingredientes no recipiente de mistura durante 10 segundos/ nível 6. Empurre, com a espátula, para baixo a cebola e o alho picado. Junte 2 colheres de azeite e uma de água e estufe (tecla 3, dourar) 3 minutos /120ºC, sem o copo de medição colocado. Junte metade da carne picada e aloure sem o copo de medição colocado. Retire a carne e reserve.

Coloque 2 colheres de sopa de azeite e o vinho, e o resto da carne picada no recipiente de misture e aloure com a tecla alourar.

Junte carne reservada, os tomates em pedaços e o molho de tomate no recipiente de mistura e tempere com sal, pimenta e o piri-piri. Coza em rotação para a esquerda/ 25 minutos/ nível 1/ 100ºC com o copo de medição colocado.

Deite o feijão cozido no recipiente de mistura, os espinafres e adicione o tabasco e deixe cozer em rotação para a esquerda/ 15 minutos /nível 1/ 90ºC com o copo de medição colocado.

Antes de servir retifique os temperos e misture em rotação para a esquerda/ 20 segundos/ nível 1 com o copo de medição colocado.

IMG_3878.JPG

 

05
Jul19

Aquela cor!!

Ana Ni Ribeiro
Conheça alguns alimentos que nos ajudam a ficar e a manter bronzeados!

- Vitamina A: é responsável pela saúde da pele e dos cabelos. A substância activa dessa vitamina é o retinol, cujo precursor é o beta caroteno. As melhores fontes de vitamina A são os alimentos amarelo-alaranjados – como cenoura, abóbora, damasco, laranja, papaia, manga e pêssego – e vegetais verde-escuro, como espinafre, brócolos, rúcula, agrião e couve.

- Vitaminas E e C: aumentam o aproveitamento da vitamina A. Encontramos a vitamina C em frutas (acerola, laranja, limão, maracujá, kiwi, morango) e nos vegetais verde-escuro. Já a vitamina E pode ser encontrada em sementes e oleoginosas (castanhas, nozes, avelã, etc), em óleos vegetais (soja, canola, girassol, etc) e no gérmen de trigo. Tente consumir esses alimentos crus ou pouco cozido.

Além do bronzeado mais bonito e duradouro, as vitamina A e C são importantes para manter a integridade da pele, das unhas e dos cabelos. Então, aproveite estas dicas e fique linda(o) não só no verão, mas durante todo o ano!
Não se esqueça de usar protector solar, beber mais água e de não se expôr ao sol nas horas de maior intensidade.


 
28
Jun19

Bolo de pêra e amêndoa

Ana Ni Ribeiro

IMG_2695.JPG

Há dias falei-vos do meu novo robot de cozinha, o Monsieur Cuisine da Silvercrest que regressou ao Lidl numa edição Connect – uma edição mais moderna, digital e funcional, e partilhei convosco a receita maravilhosa da pasta de abacate e salmão.

Volto a falar-vos do robot porque foi ele que me ajudou a preparar este bolo de pêra, sem açúcar e sem farinhas refinadas, que fica de comer e chorar por mais.

Deliciem-se!

4 ovos

2 peras

150g de farinha de amêndoa

4 colheres de sopa de stevia (em pó)

1 colher de sobremesa de fermento

canela

1 colher de café de extracto de baunilha (opcional)

 

Como fazer:

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Descasque e retire o caroço das pêras, corte em pedaços.

Deite os ovos, a farinha, a stevia, a canela e o extrato de baunilha no recipiente de mistura e misture durante 35 segundos/ nível 6.

Junte o fermento e misture 10 segundos/ nível 2.

Deite o preparado numa forma com base amovível, forrada com papel vegetal.

Distrubia os pedaços de pêra, e leve ao forno durante cerca de 40 minutos.

Retire o bolo do forno, e deixe arrefecer um pouco antes de o retirar da forma.

IMG_2669.JPG

Encontram Aqui todas as novidades sobre o robot de cozinha.

26
Jun19

Barriga lisa

Ana Ni Ribeiro

A famosa barriguinha lisa é o sonho de muitas mulheres e homens. O que alguns não sabem é que esse desejo pode ser alcançado mudando alguns comportamentos.

O treino é fundamental mas há outros factores simples que podem estar influenciar o tamanho da sua barriga.  

1. Postura 

A postura errada é uma das principais causas da indesejada barriguinha. Portanto, perceba se está tudo certo com a sua coluna. Existem três principais alterações de postura: a escoliose, a cifose e a lordose. Estes problemas de postura devem ser corrigidos com atividades físicas que promovam o fortalecimento da musculatura abdominal e da coluna e, em casos mais sérios, com acompanhamento de fisioterapia e reeducação postural.

 

2. Retenção de líquidos 

Outro fator que contribui para a impressão de excesso de barriga é a retenção de líquidos que diminui a definição muscular. Este problema pode ser resolvido com o aumento da ingestão de água e de alimentos que possuam a água na sua composição, como a melancia. Além disso, evite passar longos períodos sentados na mesma posição, praticar exercício físico e evitar a ingestão de bebidas que desidratam, como café e álcool, também ajudam a evitar esse problema. 

 

3. Alimentação inadequada 

A alimentação interfere diretamente na definição da zona abdominal. Alimentos hipercalóricos, podem levar à acumulação de gordura exatamente na região da barriga e da cintura, como fritos, a manteiga, bolos e bolachas. Além disso, tome cuidado com alimentos como feijão, couve e brócolos, que, em algumas pessoas, provocam prisão de ventre ou formação de gazes e fazem com que a barriga inche. 

 

4. Sedentarismo

Para garantir uma barriga lisa, é preciso baixar a percentagem de gordura, somando músculos fortes. Por isso deve fazer exercícios aeróbicos para, então, somá-los a uma rotina de exercícios com peso e treinos de musculação.

 

Não existe um plano de treino perfeito para alcançar a tão sonhada barriga. Cada pessoa precisa de uma abordagem diferente para atingir esse objetivo. Pessoas com % massa gorda mais alta, por exemplo, deverão concentrar-se em baixar primeiro esse valor, com plano alimentar adequado,  exercícios aeróbicos e musvulação. Já as mais magras, mas sem definição, devem manter o maior foco nos treinos de musculação.

24
Jun19

Apresento-vos o novo Monsieur Cuisine Connect

Ana Ni Ribeiro

lidl.jpg

Fui desafiada a conhecer e a cozinhar com o novo robot de cozinha Monsieur Cuisine da Silvercrest que regressa agora na edição Connect – uma edição mais moderna, digital e funcional.

IMG_2675.JPG

O robot de cozinha Monsieur Cuisine está de volta às lojas Lidl a 1 de julho, mas eu já o experimentei e tive oportunidade de fazer algumas receitas saudáveis que vou partilhar convosco.

Além de picar, fritar (esta função por mim, podia não existir, pois não uso), triturar, cozinhar, pesar, refogar, misturar, amassar, bater, cozer, emulsionar e cozer a vapor, o Monsieur Cuisine Connect aposta no digital com um ecrã táctil a cores de 7 polegadas, com wireless que permite aceder diretamente a várias receitas online. Possuiu também a função cookingpilot, que é um guia passo a passo para qualquer uma das 160 receitas já pré-instaladas, fazendo com que a receita seja elaborada quase automaticamente.

De tecnologia avançada, que inclui três programas automáticos, 10 níveis de velocidade, função turbo complementar, temporizador de 99 minutos e potência de 1.800W (1000w para cozinhar e de 800w para misturar), o Monsieur Cuisine destaca-se também pela balança incorporada para pesagem direta no recipiente.

Estas novas funcionalidades, fazem do Monsieur Cuisine Connect um dos robots de cozinha mais modernos do mercado, por um preço bastante mais apelativo: apenas 359 euros.

Fiquei fã deste robot,  pois será um bom ajudande de cozinha e vai-me permitir preparar e cozinhar um sem número de receitas, e de forma saudável.

A primeira receita que fiz foi inspirada na pasta de salmão e abacate que vem no livro que acompanha o Monsieur Cuisine Connect.

IMG_2676.JPG

 

Ingredientes

1 abacate grande maduro

100g de queijo quark

100g de salmão selvagem fumado 

Sumo de meio limão pequeno

hortelã fresca

sal

pimenta caiena

 

Modo de preparação

Retire a polpa do abacate.

Lave a hortelã e separe as folhas.

Coloque no recipiente de mistura a polpa do abacate, o queijo e a hortelã, e pique-os durante 10 segundos/ nível 5, com o copo de medição colocado. Com a ajuda da espátula, empurre a pasta para baixo.

Adicione o salmão fumado aos pedaços, o sumo de limão, o sal e a pimenta. Pique durante mais 10 segundos/ nível 5.

Retifique os temperos e misture 10 segundos / nível 2.

Coloque numa taça e está pronto a servir. 

IMG_2672.JPG

 

Pode servir com pão torrado ou palitos de legumes. Funciona muito bem como entrada, ou para um lanche.

Pode guardar no frigorífico durante 2 a 3 dias.

Encontram aqui toda a informação sobre o Monsieur Cuisine Connect.

 

19
Jun19

Queques de cereja

Ana Ni Ribeiro

IMG_2387.JPG

Estamos na época das cerejas, para meu contentamento. Portanto, não se espantem se continuar a haver novas receitas com esta fruta da época.

Deixo-vos uma receita de uns queques de cereja que além de serem deliciosos também têm as vantagens de não terem açúcar nem farinhas.

Deliciem-se!

150g cerejas 

150g de amêndoas (reduzidas a farinha)

30g de coco ralado

3 ovos

100 ml de leite magro (podem usar bebida vegetal sem açúcar)

2 colheres de sopa de stevia em pó

1 colher de chá de fermento

IMG_2385.JPG

 

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Tire o caroço às cerejas e corte em pedaços.

Bata os ovos, e junte todos os ingredientes excepto o fermento e parte das cerejas. Misture bem.

Junte o fermento e misture.

Divida a massa pelas forminhas e coloque o resto das cerejas por cima.

Leve ao forno cerca de 30 minutos, ou até os queques estarem dourados.

 

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Parceiros