Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

18
Ago16

O bronzeado começa no prato

Ana Ni Ribeiro

 

 

Alimentos coloridos

Frutas e vegetais alaranjados, como cenoura, abóbora e papaia, e folhas verde-escuras, como rúcula e espinafre, são ricos em beta caroteno. Eles têm a capacidade de absorver a radiação ultravioleta, minimizando danos no DNA, aumentar a pigmentação (factor de protecção) e reduzir a formação de radicais livres. O tomate e a melancia também são ricos em licopeno, o responsável pela cor vermelha dos alimentos e ligado à maior protecção contra os raios ultravioleta. Nas frutas e nos vegetais, a vitamina C regenera a estrutura das fibras de colagénio.
 
 

Grãos

São ricos em vitamina E, selênio e zinco. Os primeiros itens fortalecem o sistema imunológico, combatem a formação de radicais livres e ainda agem como anti-inflamatórios. Brócolos, cogumelos, couve, cebola e alho actuam nessa mesma protecção. Já o zinco melhora a hidratação, mantém a elasticidade, e tem efeito antioxidante em sinergia com o selénio.

 

Peixes

Todos os tipos contêm vitamina E, selênio e zinco. A sardinha ainda oferece a coenzima Q10, que diminui a produção de radicais livres e ajuda na regeneração celular.

Chá verde

Pesquisas indicam que consumir duas ou mais chávenas de chá verde por dia torna as pessoas mais protegidas contra o cancro de pele do que quem não consome a bebida. Os polifenóis, que protegem de uma exposição solar moderada, também ajudam na redução de eritema (vermelhidão).
12
Jul16

Aquela cor!!

Ana Ni Ribeiro
Conheça alguns alimentos que nos ajudam a ficar e a manter bronzeados!

- Vitamina A: é responsável pela saúde da pele e dos cabelos. A substância activa dessa vitamina é o retinol, cujo precursor é o beta caroteno. As melhores fontes de vitamina A são os alimentos amarelo-alaranjados – como cenoura, abóbora, damasco, laranja, papaia, manga e pêssego – e vegetais verde-escuro, como espinafre, brócolos, rúcula, agrião e couve.

- Vitaminas E e C: aumentam o aproveitamento da vitamina A. Encontramos a vitamina C em frutas (acerola, laranja, limão, maracujá, kiwi, morango) e nos vegetais verde-escuro. Já a vitamina E pode ser encontrada em sementes (castanhas, nozes, avelã, etc), em óleos vegetais (soja, canola, girassol, etc) e no gérmen de trigo. Tente consumir esses alimentos crus ou pouco cozido.

Além do bronzeado mais bonito e duradouro, as vitamina A e C são importantes para manter a integridade da pele, das unhas e dos cabelos. Então, aproveite estas dicas e fique linda(o) não só no verão, mas durante todo o ano!
Não se esqueça de usar protector solar, e de não se expôr ao sol nas horas de maior intensidade.


 
31
Ago15

Pêras para desinchar

Ana Ni Ribeiro

peras.jpg

Pêra 41kcal|100g

 

De acordo com a medicina oriental, a pêra ameniza o inchaço que muitas mulheres sentem no período menstrual. A pêra é rica em potássio, que ajuda a eliminar o excesso de líquidos do corpo. Rica em vitamina A e C, sais minerais e fibras, esta fruta é associada ao tratamento da hipertensão e obstipação. É também uma fonte de energia rápida e natural.
27
Abr15

Kefir, o superalimento

Ana Ni Ribeiro

 

 O Kefir, azedinho e refrescante, é um alimento probiótico que pode ser usado em batidos. Deve ser cultivado em casa, como a coalhada, o que leva a um pouco de trabalho. Mas acredito que, em breve, a indústria crie um produto com o ingrediente para facilitar o uso. Tem ação antiinflamatória e é rico em fósforo, magnésio e vitaminas B12 e K.

 

12
Mar15

Sushi: Alternativa benéfica

Ana Ni Ribeiro

O sushi contém gordura de boa qualidade, com elevados níveis de ómega 3. Peixes gordos, como o salmão, o atum, o arenque, a truta e a cavala, são os mais ricos nestes ácidos. Para complementar, noutras refeições, pode ingerir legumes, frutas e cereais.
O arroz japonês, um dos ingredientes principais, é uma boa fonte de hidratos de carbono e de proteína. Por não conter glúten, pode ser ingerido por celíacos. O gengibre, wasabi e vinagre contêm propriedades antibacterianas. O primeiro ajuda na digestão e o segundo é uma fonte de vitamina C. O molho de soja é rico em proteína, potássio, cálcio, magnésio e ferro. Atenção: o teor em sal poderá ser elevado.
A alga marinha nori contém proteínas, iodo, vitaminas A, B1, B6, C e ácido nicotínico. Já os vegetais e a fruta são uma fonte de vitaminas, minerais e fibra. Além de possuir proteína de elevada qualidade, o peixe contém vitaminas A e D, magnésio, potássio e fósforo.
20
Jul14

Tendência deste verão: folhas verdes

Ana Ni Ribeiro


Os brócolos, a couve, a alface, os espinafres, o agrião e a chicória são óptimas fontes de vitaminas. Estas folhas verde-escuras são especialmente ricas em vitamina K, uma vitamina que mostrou em estudos científicos ser uma das responsáveis pelo fortalecimento dos ossos, já que favorece a absorção do cálcio pela estrutura óssea. Ingerir frequentemente alguns tipos de folhas verdes pode reduzir o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e prevenir doenças crónicas, dadas as suas funções antioxidantes, entre outros benefícios para a saúde.

02
Jun14

A sua pele gosta de...

Ana Ni Ribeiro


Azeite: rico em substâncias antioxidantes, como vitamina  E, alimentando-a por dentro, fortalecendo-a e protegendo-a dos radicais livres.

Peixes gordos: fornecem as chamadas gorduras boas, como ómega 3 e 6, essenciais à sua nutrição e resistência.

Citrinos: dão lhe, entre outras, a vitamina C, antioxidante por excelência e estimuladora da formação de colagénio, substância responsável pela sua firmeza.

Frutos vermelhos: além de vitamina C, oferecem-lhe muitos outros antioxidantes, que ajudam a uma boa irrigação e oxigenação, afastando o envelhecimento precoce.

Hortaliças e legumes: ricos em vitaminas, minerais variados e fibras, ajudam à sua saúde e beleza.

09
Mai14

Hortelã

Ana Ni Ribeiro

A hortelã é considerada uma planta medicinal, por possuir propriedades digestivas, aromáticas, analgésicas, antibacterianas e sedativas. Apresenta um sabor agradável, refrescante, com ótimo aroma e grande valor terapêutico. É muito utilizada no mundo inteiro contra problemas de digestão, gastrointestinais, insônia, mau hálito e náuseas.

Apresenta na sua composição vitaminas A, B e C, cálcio, fósforo, ferro e potássio. O seu óleo essencial é composto principalmente por mentol (cerca de 50%) e é responsável pelo odor refrescante da planta, encontrado principalmente nas folhas mais velhas.

A hortelã é vendida geralmente fresca. Na hora de comprar a hortelã é preciso estar atento para escolher as folhas com cores mais vivas, evitando as murchas e manchadas. Quando for comprar a folha já seca, prefira aquelas guardadas em embalagens ou vidros escuros.
Na culinária está presente tanto em pratos doces como salgado,s em preparações como: chás, sumos, sopas, saladas, molhos geleias  e acompanhamentos.
Provavelmente a utilização mais conhecida da hortelã é em forma de chá, devido ao seu poder calmante e sabor agradável. O maior consumo do chá é principalmente após as refeições, por ser considerado um excelente digestivo e benéfico para quem sofre de dores no estômago.

28
Fev14

Quero uma fatia de Ananás

Ana Ni Ribeiro


Ananás- 44 kcal/100g

Digestão bem feita, menos peso na barriga!
Há muito que se conhece as propriedades digestivas do ananás. A grande responsável é a bromelina, uma enzima que ajuda a desdobrar as proteínas, facilitando a digestão. As fibras solúveis são outro dos segredos deste fruto, já que actuam a nível da saciedade. O seu elevado conteúdo de água confere-lhe propriedades diuréticas que controla o apetite ao mesmo tempo que hidrata. As vitaminas B1,B2 e C garantem a protecção do sistema imunitário.
06
Fev14

Aipo, o forte

Ana Ni Ribeiro


A disseminação do aipo na cozinha portuguesa deixa um pouco a desejar. Ainda assim, os benefícios são vários. Desde a redução da tensão arterial à prisão de ventre, problemas do fígado, bexiga ou disfunções menstruais. É também fortemente vitaminado (vit. A, B, C) e contém sódio, ferro, potássio, magnésio, fósforo e cálcio. Por último, o aipo é rico em glutationa, que ajuda a neutralizar os radicais livres. É por isso quase impensável que gregos e romanos o utilizassem apenas como planta decorativa. E nós? Estamos à espera de quê? Nem que seja um suminho...

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Parceiros