Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Nitricionista

07
Ago15

Escolha vegetal

Ana Ni Ribeiro

fotografia 1 (24).JPG

 

Perguntam-me muitas vezes o que devem preferir: cremes vegetais ou animais? E a minha resposta é sempre a mesma: escolha vegetal. E de preferência a versão light ou magra.

fotografia 2 (27).JPG

 

Os cremes vegetais têm origem em sementes provenientes de plantas como o girassol, a linhaça ou a  colza, as quais são cuidadosamente selecionadas e espremidas para darem origem aos óleos vegetais.

Estes são depois filtrados para retirar as impurezas, e são-lhes adicionados vários ingredientes como a água, vitaminas, sumo de limão, sal, entre outros. A principal diferença entre os cremes vegetais disponíveis no mercado é a combinação dos diferentes óleos vegetais, mas todos têm como ingredientes principais óleos 100% vegetais.

A Organização Mundial de Saúde aponta como necessária a ingestão diária de gordura em cerca de 30% do valor calórico total consumido- mas devemos apostar em gorduras boas em detrimento das más.

Esta necessidade advém do facto de as gorduras assegurarem funções vitais do corpo humano. Neste campo, as gorduras de origem vegetal- gorduras boas, especificamente os cremes vegetais, são ricos em ácidos gordos polinsaturados ómega 3, sendo assim uma boa solução para colmatar a necessidade diária que o corpo humano tem neste tipo de gordura. As gorduras ómegas 3 não são produzidas pelo nosso organismo, sendo fundamental incluí-los na alimentação diária, tirando o máximo partido dos seus benefícios.

Os cremes vegetais assumem, por isso, uma importância crescente na ingestão deste tipo de gorduras benéficas. As receitas de marcas como Planta, Becel, Flora e Vaqueiro foram desenhadas especificamente para dar ao organismo as gorduras essenciais e nutrientes de que precisa. Várias instituições, como a Federação Mundial do Coração, recomendam o consumo diário de cremes vegetais para barrar e para cozinhar ricos em ómega 3 com o objetivo de diminuir a incidência de várias doenças, nomeadamente as cardiovasculares, uma vez que as gorduras vegetais não têm colesterol, ao contrário das gorduras de origem animal.

Além disso, os cremes vegetais são ricos em vitaminas A, D e E, as quais desempenham inúmeras funções, ajudando ao bom funcionamento do organismo. É de referir também, que têm vindo a reduzir progressivamente o teor de sal e que não contêm gorduras trans.

Ter sempre em atenção que a alimentação deve responder às necessidades nutricionais das diferentes idades de cada membro da família, e aos seus pesos.

 

fotografia 3 (19).JPG

 

 

Para mais informação: Escolha Vegetal

barra-logos.jpg

 

4 comentários

Comentar post

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Parceiros