Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

28
Fev17

Papas proteicas de aveia e coco

Ana Ni Ribeiro

IMG_5773.JPG

 Esta papa é um excelente pequeno-almoço rápido que dá saciedade por várias horas.

 

Para 1 pessoas

3 colheres de sopa de aveia integral (40g)

250 ml água

2 colheres de sopa de coco ralado

1 colher chá canela

1 colher de sopa de proteína vegetal sem adição de açúcar (Usei v-protein sabor a morango da Gold nutrition)

canela, coco ralado e mirtilos para a cobertura

 

Coloque a aveia com a água e o coco numa panela.

Deixe cozer cerca de 4 minutos, mexendo sempre, e adicione a proteína e a canela. Coza mais 4 minutos, ou até todo o líquido ser absorvido.

Deite a aveia cozida numa taça e acrescente a canela, coco e os mirtilos.

 

27
Fev17

Recuperar dos excessos do carnaval

Ana Ni Ribeiro
"No Carnaval sempre se bebe um pouco mais. Há maneira de aliviar as ressacas?"
J.E.

carnaval-ressaca-dicas.jpg

 

Para ajudar a aliviar os sintomas de ressaca é essencial hidratar-se convenientemente no dia a seguir. Assim sendo, evite os estimulantes que apenas irão provocar uma sobrecarga no sistema nervoso central e aposte no chá e tisanas fracas para hidratar e ajudar a "desintoxicar". Os frutos e as verduras são também essenciais, uma vez que são ricos em vitaminas e fotoquímicos antioxidantes, e muitos ajudam a debelar as dores de cabeça e o excesso de toxinas acumulado, que provocam esses desagradáveis sintomas.
24
Fev17

Dois tipos de húmus

Ana Ni Ribeiro

IMG_2451.JPG

Húmus é daqueles alimentos que vai bem com tudo: no pão, numa salada, com legumes ou numa tosta com abacate.

Deixo-vos a receita de duas versões que adoro: clássico e com beterraba. Usei produtos biológicos para ainda ficarem mais saborosos e saudáveis.

 

Húmus

400g de grão de bico cozido e escorrido

Sumo de 1 limão 

2 colheres de sopa de taíne (pasta de sésamo)

1 dente de alho descascado

2 colheres de chá de cominhos

4 colheres de azeite

sal e pimenta q.b.

 

Coloque todos os ingredientes num processador de alimentos e junte 3 colheres de sopa de água. Bata até obter uma consistência cremosa e homógenea.

Num frasco que feche bem pode guardar no frigorífico durante uma semana.

 

Húmus de beterraba

1 dose de húmus (receita de cima)

100 g de beterraba descascada e cortada

 

Coloque o húmus e a beterraba no processador de alimentos e bata até obeter uma mistura homógenea.

FullSizeRender (11).jpg

 

21
Fev17

Sabe o que é farro?

Ana Ni Ribeiro

Farro.jpg

 Farro é um cereal! Confesso que só há pouco tempo soube o que era, falaram-me numa consulta e fui investigar.

O farro é usado desde o antigo Egito e cultivado durante séculos na região do Mediterrâneo. Este cereal foi sendo substituído ao longo dos anos por outros mais produtivos e foi esquecido.  

É rico em proteínas, sendo um bom cereal para quem pratica exercício , fibras que auxiliam a digestão e a normalizar o colesterol, além de ajudar na manutenção do peso e prevenção da obesidade. É também rico em vitamina B, zinco e ferro. 

Basicamente, este cereal pode ser usado em qualquer prato que leve algum grão como ingrediente, podendo substituir arroz, espelta ou quinoa, por exemplo.

17
Fev17

Bolinhos de maçã

Ana Ni Ribeiro

IMG_9388.JPG

 

Esta receita rende cerca de 16 bolinhos

 

1 pacote de maçã verde Fruut
1 iogurte magro natural (usei adoçado)
1 ovo
175g de farinha de centeio integral (também podem usar de arroz)
50g de stevia
3 colheres de sopa de leite magro
1 colher de sobremesa de azeite 
1 colher de chá de fermento em pó
1 colher de chá de bicarbonato
raspas de limão
canela em pó
1 pitada de sal

Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Numa taça misturar o adoçante com o azeite, o ovo e o iogurte. Misturar bem e juntar a farinha, o fermente, o bicarbonato, o sal e a canela. Adicionar a maçã desidratada Fruut.
Colocar a mistura nas forminhas de silicone previamente pinceladas com azeite.
Levar a assar cerca de 20 minutos ou até os bolinhos estarem cozidos.

Acompanhem com um chá.

16
Fev17

Tabule, o prato que veio do Líbano

Ana Ni Ribeiro

O tabule é um prato libanês composto por bulgur, tomate, salsa, hortelã, sumo de limão, pinhões e pimenta. É delicioso, e uma excelente opção para o almoço.

Experimentem, vão adorar.

 

Ingredientes

400g de Bulgur

150g de coentros (ou salsa)

50g de hortelã

8 tomates pequenos

100g de pinhões (podem usar sementes se girassol)

2 colheres de sopa de taíne (pasta de sésamo)

3 colheres de sopa de azeite

Sumo de 2 limões (ou limas)

Sal e pimenta q.b.

IMG_2519.JPG

 

Coloque o bulgur num tacho e junte cerca de 900 ml de água quente. Deixe ferver 2 minutos e depois baixe o lume, até a água ter sido toda absorvida (10 a 15 minutos)

Pique os coentros e a hortelã, e corte os tomates em pequenos quadrados.

Numa frigideira anti-aderente torre as sementes de girassol.

Misture todos os ingredientes e está pronto a servir.

 

Pode comer frio, e vai bem com tudo!

No frigorífico, num frasco bem fechado, aguenta vários dias sem perder a qualidade e o sabor.

 

FullSizeRender (12).jpg

 

15
Fev17

Já conhece o teff?

Ana Ni Ribeiro

teff.jpg

 

O cereal do momento é o teff. O seu nome botânico – Eragostis tef – significa “erva do amor”. É tão pequeno, que para se obter um grama, são precisos 3 mil grãos. Com apenas 0,79 milímetros de dimensão, é o grão mais pequeno do mundo e, possivelmente, o mais completo do ponto de vista nutricional.

A Etiópia é ainda o maior produtor mundial. Existe em diversas variedades de cores, desde o branco, passando pelo vermelho até ao castanho-escuro e acredita-se que é cultivado há mais de 5000 anos.

A excelência deste cereal reside na sua riqueza em minerais e pelo seu fantástico conteúdo em aminoácidos essenciais, o que o torna superior aos outros cereais. Teff é rico em cálcio, magnésio, cobre, potássio, manganês, zinco e ferro e vitamina C. O seu teor de cálcio é superior ao do leite de vaca, com cerca de 170mg por cada 100g. A sua riqueza em ferro está dependente do solo onde é cultivado, e pode variar entre 5mg e 15mg por 100g.

Possuiu cerca de 12% a 14% de proteína, e com um bom equilíbrio de aminoácidos essenciais, com destaque para a lisina, aminoácido ausente na maioria dos cereais. A lisina é importante no metabolismo do cálcio, fundamental na calcificação óssea.

Os seus hidratos de carbono são em grande quantidade amido resistente, contribuindo para uma maior saciedade e para melhorar os níveis de glicémia. Por estes motivos é uma boa fonte alimentar para diabéticos e para quem procura perder ou gerir o peso. Este tipo de amido também funciona como um pré-biótico favorável à flora intestinal e também importante na manutenção de um peso adequado. Os seus hidratos de carbono sendo de digestão lenta fazem dele um bom aliado dos desportistas de alto rendimento, que necessitam de energia rápida e prolongada. O seu conteúdo em minerais também ajuda na rápida recuperação após o exercício físico ou cansaço mental.

Fornece mais fibra do que qualquer outro cereal e, por não conter glúten, é indicado para celíacos. Este perfil nutricional extraordinário é rematado pelo facto do teff não ter açúcar e possuir um sabor semelhante ao da noz.

O teff é um produto que pode ser usado na pastelaria, para fazer sopas, engrossar molhos, e também pode ser comido simplesmente cozido ou assado. Deve ser conservado num local fresco, seco e escuro, dentro de um recipiente fechado.

As suas superiores qualidades nutricionais fazem dele um cereal a incluir na nossa alimentação diária.

14
Fev17

Alimente o amor

Ana Ni Ribeiro

 

É extensa a lista de alimentos a que são atribuídas propriedades afrodisíacas. Selecionei alguns, tome nota:

Ostras
Contêm grandes quantidades de zinco e selénio e são estes dois minerais que lhes conferem o estatuto de alimento afrodisíaco. Também contém ácido aspártico, responsável pela libertação de hormonas como a testosterona ou estrogénio. Retire o champanhe do frio e sirva as ostras.
Atum
Rico em zinco, selénio, vitaminas B12 e B3, proteínas e ácidos gordos essenciais ómega 3, o atum é, frequentemente, encarado como o rei dos alimentos sensuais. Aumenta a produção de esperma e fortalece a libido. Inclua-o no seu jantar do dia dos namorados.
Chocolate preto
É rico em serotonina, um químico que estimula a área no nosso cérebro ligada ao prazer, e em fenilalanina, o aminoácido que atua sobre o despertar e melhora a disposição. Saboreie-o (de vez em quando), optando sempre pelo chocolate mais preto que encontrar, isto é, mais rico em elementos afrodisíacos.
Tomate
É uma das fontes mais ricas em betacaroteno, precursor da vitamina A, essencial para a produção das hormonas sexuais masculinas e femininas e para promover a fertilidade do casal. Por ser baixo em calorias é um afrodisíaco light.
Papaia
A sua polpa alaranjada é uma boa fonte de cálcio, necessário para a contração muscular associada à ereção masculina e ao orgasmo feminino; e vitamina C, um estimulante do desempenho sexual
Amoras silvestres e framboesas
Sendo duas das mais ricas fontes de vitamina C, constituem ingredientes importantes num cabaz de compras sensual. São também uma boa fonte de vitamina E, necessária para o aumento do impulso sexual.
Açafrão
É a especiaria mais cara do mundo, muito por culpa de na Índia ter a fama de possuir efeitos estimulantes a nível sexual. Somente o açafrão oriundo da planta asiática (crocus sativus) possui um poder especial sobre a libido.

Bebidas alcóolicas 

Consumido com moderação, o álcool pode atuar como um afrodisíaco ao tornar-nos mais sensíveis ao tato e desinibir. Brinde ao amor com um copo de um bom vinho tinto à refeição.

 

O afrodisíaco infalível? O amor! Alimente-o bem, e repita as vezes que forem necessárias!

13
Fev17

Reduza a carne vermelha e invista nos cogumelos

Ana Ni Ribeiro

A carne é uma fonte de proteínas e aminoácidos essenciais mas não deve ser consumida em demasia, e devemos preferir as carnes magras.

Em contrapartida, pode e deve incluir cogumelos na sua alimentação: têm mais proteínas que a maioria dos vegetais e são ricos em vitaminas e em selénio, tão importante no combate ao envelhecimento. Os cogumelos ajudam a reforçar o sistema imunitário, têm propriedades anticancerígenas e protegem-nos das doenças cardiovasculares.

 

 

10
Fev17

Corações sem açúcar

Ana Ni Ribeiro

Muffins de banana e coco sem açúcar para comerem com quem mais gostam. Feliz dia dos namorados

image.jpeg

 

Ingredientes (rende 10-12)

2 ovos

3 bananas da Madeira

2 chávenas de farinha de arroz

1/2 chávena de água de coco

1 chávena de coco fresco em pedacinhos

2 colher de sopa de Stevia

1 colher de chá de canela

1/2 colher de chá de fermento

1 pitada de sal

 

 

Pré aqueça o forno a 180º.

Numa tigela coloque a água de coco, adoçante e os ovos. Bata até obter uma mistura cremosa.

Numa tigela pequena misture a farinha, o fermento, o sal, e a canela.

Junte a banana esmagada à mistura da água de coco e bata até incorporar. Junte a farinha e bata lentamente somente até misturar. Adicione o coco.

Deite a massa nas forminhas. Usei em forma de coração de silicone.

Leve ao forno por 20 minutos ou até os muffins estarem dourados por fora e cozinhados no interior.

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Parceiros