Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

31
Ago15

Pêras para desinchar

Ana Ni Ribeiro

peras.jpg

Pêra 41kcal|100g

 

De acordo com a medicina oriental, a pêra ameniza o inchaço que muitas mulheres sentem no período menstrual. A pêra é rica em potássio, que ajuda a eliminar o excesso de líquidos do corpo. Rica em vitamina A e C, sais minerais e fibras, esta fruta é associada ao tratamento da hipertensão e obstipação. É também uma fonte de energia rápida e natural.
17
Ago15

Tentem fazer isto em casa: pizza falsa de cogumelos

Ana Ni Ribeiro
 

 

 

Eu, fã de pizzas, me confesso! E como tal é sempre bom quando encontro receitas menos calorias.

Esta falsa pizza de shiitakes é deliciosa. Simples, fácil e leve.

 

1 Wrap

1 chávena de Shiitakes salteados num mini fio de azeite

2 colheres de sopa de molho de tomate caseiro

1/2 chávena de mozzarella (light) ralada

um fio de azeite 

 

Coloque os ingredientes no wrap: primeiro o molho de tomate, depois o queijo, seguido dos cogumelos. Termine com o fio de azeite. 

Uns minutos em forno muito quente e está pronta a comer. Bom apetite.

12
Ago15

Férias na linha

Ana Ni Ribeiro

IMG_1936.JPG

 Chegaram, finalmente, as minhas férias.

Para muitas pessoas as férias são sinónimo de ganho de peso.A melhor forma de evitar esse problema é não cometer muitos excessos alimentares e mexer-se sempre que possível. Não quero com isto que perca as jantaradas nem os churrascos, mas depois compense nas outras refeições com alimentos saudáveis, e se ficar menos tempo na esplanada ou na toalha para ir praticar exercício físico, ainda melhor.

E dance, dance muito. Divirta-se e aproveite o melhor que a vida tem.

IMG_1994.JPG

IMG_2070.JPG

 

07
Ago15

Escolha vegetal

Ana Ni Ribeiro

fotografia 1 (24).JPG

 

Perguntam-me muitas vezes o que devem preferir: cremes vegetais ou animais? E a minha resposta é sempre a mesma: escolha vegetal. E de preferência a versão light ou magra.

fotografia 2 (27).JPG

 

Os cremes vegetais têm origem em sementes provenientes de plantas como o girassol, a linhaça ou a  colza, as quais são cuidadosamente selecionadas e espremidas para darem origem aos óleos vegetais.

Estes são depois filtrados para retirar as impurezas, e são-lhes adicionados vários ingredientes como a água, vitaminas, sumo de limão, sal, entre outros. A principal diferença entre os cremes vegetais disponíveis no mercado é a combinação dos diferentes óleos vegetais, mas todos têm como ingredientes principais óleos 100% vegetais.

A Organização Mundial de Saúde aponta como necessária a ingestão diária de gordura em cerca de 30% do valor calórico total consumido- mas devemos apostar em gorduras boas em detrimento das más.

Esta necessidade advém do facto de as gorduras assegurarem funções vitais do corpo humano. Neste campo, as gorduras de origem vegetal- gorduras boas, especificamente os cremes vegetais, são ricos em ácidos gordos polinsaturados ómega 3, sendo assim uma boa solução para colmatar a necessidade diária que o corpo humano tem neste tipo de gordura. As gorduras ómegas 3 não são produzidas pelo nosso organismo, sendo fundamental incluí-los na alimentação diária, tirando o máximo partido dos seus benefícios.

Os cremes vegetais assumem, por isso, uma importância crescente na ingestão deste tipo de gorduras benéficas. As receitas de marcas como Planta, Becel, Flora e Vaqueiro foram desenhadas especificamente para dar ao organismo as gorduras essenciais e nutrientes de que precisa. Várias instituições, como a Federação Mundial do Coração, recomendam o consumo diário de cremes vegetais para barrar e para cozinhar ricos em ómega 3 com o objetivo de diminuir a incidência de várias doenças, nomeadamente as cardiovasculares, uma vez que as gorduras vegetais não têm colesterol, ao contrário das gorduras de origem animal.

Além disso, os cremes vegetais são ricos em vitaminas A, D e E, as quais desempenham inúmeras funções, ajudando ao bom funcionamento do organismo. É de referir também, que têm vindo a reduzir progressivamente o teor de sal e que não contêm gorduras trans.

Ter sempre em atenção que a alimentação deve responder às necessidades nutricionais das diferentes idades de cada membro da família, e aos seus pesos.

 

fotografia 3 (19).JPG

 

 

Para mais informação: Escolha Vegetal

barra-logos.jpg

 

06
Ago15

Quer emagrecer? Saiba o que não deve fazer

Ana Ni Ribeiro

Erros que não pode cometer:

1 - Cortar de forma drástica as calorias: Não o faça de uma forma abrupta. Se iniciar uma dieta grande, procure a ajuda de um nutricionista;

2 - Deixar passar muito tempo entre as refeições: ficar mais de 3 horas e meia sem comer é contraproducente para a sua dieta, pois o nível de açúcar vai baixar muito e quando puser alguma coisa na boca, vai assimilar tudo;

3 - Saltar o pequeno almoço: esta primeira refeição é fundamental, pois o corpo adormecido pede uma refeição reconfortante para poder gastar energias ao longo do dia. Se sente vontade de comer algo mais calórico, esta é a hora certa;

4 - Beber álcool e refrigerantes: evite-os ao máximo. Enchem o seu estômago e têm muitas calorias;

5 - Não comer fibra suficiente: a fibra regula o trânsito intestinal e diminui o colesterol, o que torna a sua dieta bem mais saudável.

01
Ago15

Uma salada diferente

Ana Ni Ribeiro

Salmão pronto... e para acompanhar: uma salada de folhas e chia

Ingredientes ( 1 porção)

2 chavenas (chá) de alface roxa 
3 cenouras baby cruas 
3 col. (sopa) de beterraba crua ralada 
1 ½ chavenas (chá) de tomates-cereja partidos ao meio 
5 ramos de brócolos cozidos al dente 
2 col. (sopa) de vinagre de maçã 
3 col. (sopa) de azeite extravirgem 
2 col. (chá) sementes de chia 

Modo de preparação

Corte a alface em tiras finas e coloque-as numa travessa. Reserve.

Misture a cenoura, a beterraba, o tomate e os brócolos. Acrescente a mistura na travessa com a alface. Reserve. Numa tigela, misture o vinagre de maçã, o azeite, e as sementes de chia. Tempere a gosto e sirva. 

 

 

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Parceiros