Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Nitricionista

25
Mai16

Vou ali e já venho

Ana Ni Ribeiro

sao-miguel-acores.jpg

 

Por vezes, é preciso parar para depois voltarmos com mais energia. 

Nos próximos dias não estarei pelo blog pois vou estar de mini-férias. Para a semana já estou de volta com mais dedicação e emprenho do que nunca.

Aproveitem para reler os posts mais antigos e experimentares as receitas novas. Podem ir sabendo novidades através do meu instagram.

Até já!

23
Mai16

Tzatziki

Ana Ni Ribeiro

IMG_3169.JPG

 Tzatziki é molho típico da Grécia, feito a base de iogurte e pepino, que normalmente é utilizado como entrada. É ideal para se fazer no verão ou em dias quentes pois é um molho leve e refrescante, que pode ser servido como um paté para barrar no pão ou como condimento para saladas. Sinta o sabor da Grécia em casa e não deixe de se apaixonar por essa iguaria.

FullSizeRender (19).jpg

 

Ingredentes
250 gramas de iogurte grego ligeiro
1 colher de sopa de azeite 
1 dente de alho
2 colheres de chá de hortelã picada (também usar endro)

2 pepinos

1 colher de chá de vinagre 

1 pitada de sal

pimenta branca (opcional)

 

Rale os pepinos com a parte grossa do ralador, sem as cascas e as sementes e coloque-os sobre um papel de cozinha para absorver o excesso de água.

Pique o alho e e a hortelã bem fininhos.

Misture estes ingredientes com o iogurte grego, o azeite e bata tudo muito bem. Acrescente o sal, o vinagre e a pimenta.

Deixe repousar no frigorífico pelo menos meia hora e sirva.

 

IMG_3171.JPG

 

21
Mai16

4 razões porque não consegue emagrecer

Ana Ni Ribeiro

15731932_a8MVN.jpeg

Apesar do facto de muitos portugueses dizerem que estão a fazer dieta para emagrecer e ganhar saúde, poucos estão realmente a conseguir. Fazer dieta para perder massa gorda é uma habilidade, assim como andar de bicicleta, e requer prática e boa instrução. Há quem caia e se sinta frustrado mas à medida que vai tendo sucesso fica mais fácil.


Aqui estão as quatro principais razões porque não se consegue perder peso.

1. Calorias consumidas subestimadas
A maioria das pessoas subestima o número de calorias que ingere por dia. Esse problema pode ser ultrapassado se escrever tudo que come, incluindo bebidas. Um diário alimentar pode ajudar a aumentar a autoconsciência. Preste atenção ao servir, mantenha as porções com um tamanho razoável. Alimentos consumidos fora de casa tendem a ter porções muito maiores e a ser mais calóricos.

2. Atividade física e calorias queimadas sobrestimadas
Normalmente, é preciso cortar cerca de 500 calorias por dia para perder 1 kg por semana. Isto é difícil de conseguir apenas através de exercícios, pois exige 60 minutos ou mais de atividade muito vigorosa todos os dias. Uma meta mais viável será a de tentar aumentar a atividade durante todo o dia e um total de 30 minutos de exercício moderado/vigoroso na maioria dos dias da semana. Compre um pedômetro e acompanhe os seus passos: tente atingir uma meta de 10000 passos por dia, mas tenha cuidado - o exercício não é uma desculpa para comer mais!

3. As horas das refeições
 Nós precisamos de um fluxo constante de glicose ao longo do dia para manter a energia ideal e para evitar que o metabolismo abrande. Comer o pequeno-almoço todos os dias até uma hora depois de acordar, depois comer um lanche saudável ou uma refeição a cada três é importante. Tente não ir mais de 4 horas sem comer um lanche saudável ou uma refeição para manter seu metabolismo estável.

4. O sono inadequado
Vários estudos têm mostrado que as pessoas que dormem menos de seis horas têm níveis mais altos de grelina, o que é uma hormona que estimula o apetite. Além disso, menos sono aumenta os níveis de cortisol, uma hormona do stresse, o que pode levar ao ganho de peso.

20
Mai16

Tarte de queijo quark e maracujá

Ana Ni Ribeiro

FullSizeRender (16).jpg

Já todos sabes o quanto gosto de tartes de queijo e de maracujá, agora imaginem quando junto ambas. Obriga-me desde já a fazer um aviso: esta receita pode ser seriamente viciante!

FullSizeRender (17).jpg

 

Ingredientes

Base

1/2 chávena de farinha de amêndoa

1/2 chávena de farelo de aveia

1/3 chávena de coco ralado

2 colheres de sopa de farinha de arroz

1 colher de sopa de azeite

1 colher de sopa de stevia

1 colher de sobremesa de canela

Pitada de sal

 

Recheio

300g de queijo quark 0%

2 ovos

1 iogurte natural magro

2 colheres de sopa de coco ralado

3 maracujás

1 colher de sopa de gelatina em pó

1/2 colher de sopa de farinha integral

1 colher de sopa de stevia 

 

Pré-aqueça o forno a 140ºC.

Forre uma forma de fundo amovível com papel vegetal.

Misture todos os ingredientes da base. Coloque na forma.

Separe as gemas das claras. Bata as claras em castelo e reserve-as.

Misture todos os ingredientes. E depois envolva com cuidado as claras em castelo.

Leve ao forno cerca de 40 minutos, ou até estar dourado.

 

Sirva com polpa de maracujá.

 

(Também podem usar formas pequenas e fazer mini-tartes) 

FullSizeRender (18).jpg

 

 

19
Mai16

Acidez positiva

Ana Ni Ribeiro

Use o vinagre nos seus temperos e dê sabor aos pratos adicionando poucas calorias. Aqui tem mais três boas razões para fazer essa opção:

 

  1. Ajuda a controlar a pressão arterial e os níveis de glicemia.
  2. Facilita a digestão.
  3. Estimula a produção de proteínas que auxiliam o organismo a eliminar gordura.

 

 

17
Mai16

Aprenda a prevenir e a controlar a hipertensão arterial

Ana Ni Ribeiro

hta.jpg

 

A hipertensão arterial (HTA) é o principal factor de risco da doença cardiovascular e representa um dos maiores problemas de saúde pública em Portugal: cerca de 40 por cento dos portugueses adultos são hipertensos, mais de 50 por cento não têm a doença diagnosticada e apenas 11 por cento dos doentes estão controlados.

Importa salientar dois aspectos fundamentais que contribuem para o desenvolvimento de hipertensão e doenças cardiovasculares: alimentação inadequada e consumo excessivo de sal.

Uma dieta rica em calorias, com alto teor de gorduras saturadas e pobre em nutrientes essenciais é prejudicial à saúde e contribui para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. É sabido que um elevado teor de sal na dieta é, também, um dos mais importantes fatores de risco no aumento da pressão arterial . O consumo de sal em Portugal é de cerca de 10,7 gramas por dia, por habitante, permanecendo assim cerca de duas vezes acima do valor recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) – menos de 5g por dia. O sal é responsável não só pelo aumento da pressão arterial, mas também pela descoordenação de vários eixos hormonais que virão, pela sua acção a prejudicar também directamente os vasos sanguíneos e a actividade cardíaca.

As estratégias preventivas, se aplicadas precocemente na vida, apresentam um potencial enorme para prevenir o desenvolvimento de HTA e de reduzir a carga total de doença hipertensiva e suas complicações. Para diminuir a pressão arterial e o risco cardiovascular, as alterações no estilo de vida são largamente consensuais e devem ser instituídas a todas as pessoas, independentemente da necessidade de terapêutica antihipertensora:

Redução do consumo de sal na alimentação (encontra-se naturalmente não só no sal de cozinha, mas também em vários alimentos, como os produtos de charcutaria, os queijos curados, o pão, os alimentos enlatados, as refeições congeladas ou pre-cozinhadas); Quando for fazer as suas compras não se esqueça: há alimentos que naturalmente contêm elevados valores de sódio. Tome atenção aos rótulos e evite os que têm mais de 5% da dose diária recomendada (DDR) de sódio ou com mais de 1,5 g de sal por 100 g.

Dieta equilibrada: aumento do consumo de frutas, legumes; diminuição da ingestão de gorduras saturadas presentes em certos alimentos (por exemplo carnes vermelhas, gema de ovo, manteiga, queijos curados, produtos de charcutaria e alimentos pré-cozinhados);

Moderação do consumo de álcool (por exemplo, um copo de vinho tinto à refeição);

Prática regular de exercício físico, sobretudo com movimentos aeróbios (marcha, corrida, natação ou dança);

Abandono do tabagismo;

Redução e/ou controlo do peso, caso se verifique excesso de peso ou obesidade.

 

A HTA, como doença crónica que é, necessita da terapêutica e vigilância continuada no tempo, sendo importante não esquecer que a interrupção da terapêutica, absoluta ou intermitente, pode associar-se a um agravamento da situação clínica.

17
Mai16

Evite dietas bruscas

Ana Ni Ribeiro

IMG_6131.JPG

Um dos maiores inimigos da sua saúde são as dietas demasiado drásticas. A adopção de dietas bastante restritivas do ponto de vista calórico, que reduzem o peso à custa da perde de muita massa muscular, podem diminuir em 30% o valor do metabolismo basal. Não é de estranhar que a grande maioria das pessoas que perdem peso demasiado rápido, com frequência o recuperem para um valor idêntico ao inicial ou mesmo superior.

Lembre-se: emagrecer é perder massa gorda, não apenas peso. Procure ajuda especializada. 

16
Mai16

Pão de maça

Ana Ni Ribeiro

IMG_2961.JPG

 Bom dia!

Hoje deixo-vos uma receita tão deliciosa que vão ter que se controlar para não devorar tudo de uma vez!

 

Ingredientes:
3 maças reineta - aprox. 350g (reduzidas a puré)
1 fatia de manga bem madura (120g)
3 chávenas de farinha de arroz
2 ovos
1 iogurte magro líquido de limão
1 colher de sopa de stevia
1 colher de chá de fermento em pó
1 colher de chá de canela
1 pitada de sal
sumo de meio limão
1 embalagem de maçã verde intenso Fruut

Pré-aqueçam o forno a 180ºC. Forrem uma forma com papel vegetal.
Numa tigela juntem a farinha, o fermento, a canela e o sal. Batam tudo com energia.
Numa outra taça esmaguem bem a manga. Juntem o puré de maçã e batam com o iogurte; acrescentem os ovos. Depois juntem a farinha a esta mistura.
Misturem as fatias de maçã Fruut e envolvam.
Coloquem a massa na forma e levem ao forno durante 45 minutos.

IMG_2964.JPG

 

 

13
Mai16

Não panna cotta de mirtilos

Ana Ni Ribeiro

IMG_2945.JPG

 As panna cottas são feitas com natas, portanto esta receita é de uma não panna cotta pois não uso nata.

Experimentem, vão adorar.

 

Ingredientes (5 doses)
1 embalagem de gelatina Condi em pó sabor mirtilos
500 ml leite magro
2 colheres de sopa de Stevia

1 embalagem de gelatina em pó sem sabor

500 ml de água

Mirtilos frescos para decorar (opcional)

Modo de fazer 

Aqueça o leite, junte a Stevia e a gelatina sem sabor. Mexa bem até dissolvar.

Divida por 5 frascos (ou taças pequenas). Leve ao frigorífico até endurecer.

Prepare a gelatina Condi de acordo com as instruções da embalagem. Deixe arrefecer um pouco  e coloque nas taças, sobre o leite endurecido.

Coloque no frigorífico, pelo menos 2 horas. 

Sirva com mirtilos frescos

 

IMG_2951.JPG

 

Sobre mim


Sou a Ni, sou nutricionista e este é o meu blog. Aqui partilho a minha paixão pelo fabuloso mundo da nutrição. Dizem que este é o melhor blog sobre nutrição do mundo e arredores!

Ver perfil
Seguir perfil

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia

O meu livro

Links

Consultas online

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D